Follow by Email

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

FOTOPOEMA

DAS RELÍQUIAS


A palavra assalta o poeta:
salta as teclas, na ânsia de parir-se.
Parte, sem podas, do invisível.
E a mão que há tempos abandonou a pena
roga, às pressas, à antiga pauta,
que ampare o poema.

Carmen Moreno